2 de agosto de 2008

O País Real ou Surreal...

Do blog http://caboraso.blogspot.com/ cuja visita recomendo, por deferência do seu autor, o amigo LFV, transcrevo um dos seus posts irresistíveis.
O país real... Portugal é de facto um fenómeno do Entroncamento! O indivíduo que baleou os vizinhos por acreditar que um deles, pelo facto de ser homossexual, estaria a sodomizar o seu gato foi ontem condenado, no Tribunal São João Novo, Porto, a cinco anos e seis meses de prisão efectiva.
José Correia, 53 anos, foi condenado por homicídio na forma tentada e detenção de arma proibida. O tribunal deu como provado que, em Outubro de 2007, José Correia pediu a Anabela Silva (atingida pelos disparos), que se encontrava no pátio das habitações, que a ajudasse a resgatar o seu gato que fugira para um terreno contíguo.
O vizinho J.P., que estava à janela da sua habitação e se apercebeu da situação, prontificou-se a ajudar no resgate.Quando José Correia viu JP. junto do gato, proferiu injúrias sobre a orientação sexual do vizinho. Assim que apanha o animal, J.P. desloca-se para a habitação arguido, ficando Anabela no pátio, onde foi atingida por disparos de pistola.
Provou-se que o arguido acreditava que a pessoa no pátio era J.P. e estava convicto de que "este era homossexual e que pudesse ter havido contactos sexuais entre o vizinho e o gato".Anabela foi operada ficando com uma cicatriz de 23 centímetros. Durante as buscas policiais foram encontradas 38 munições em casa do arguido, mais conhecido por "Zé Pistoleiro".
. O juiz não deixou de comentar as motivações do arguido."Dar um tiro em alguém por ser homossexual e por supostamente ter tido relações sexuais com um gato que ajudou a resgatar, e por isso o animal ter ficado paneleiro, é talvez o motivo mais torpe que eu já vi na minha vida", frisou
Transcrito, com a devida vénia, do caderno local da edição de (...) do jornal de referência...(Público)

«««««»»»»»
.
Surrealismo? Não.
Sem comentários ... ou talvez não.
Obrigada, Luis
meg
.

40 comentários:

Maria disse...

sem comentários, para mim...

um abraço, meg

Amaral disse...

Meg
Realmente Portugal é um país cheio de surpresas. Parece um país terceiromundista.
Bom fim-de-semana
Abraço

Sei que existes disse...

É verdadeiramente ridículo!!!
Beijocas grandes

Multiolhares disse...

Muito difícil comentar
Pois não entendo o que possa levar alguém a tirar
a vida a outro ser por suposições, não entendo como algum ser se possa julgar dono da verdade, que pense que a vida é algo que esteja nas suas mãos,
Nem sequer falo da causa pelo que foi, mas falo genericamente.
A vida é algo precioso, e ninguém tem o direito de acabar com ela, sou contra a pena de morte.
Beijos

Zé Povinho disse...

O Sol tem estado bem forte, e se o presidente ganhou um bronze danado e parou o país para mostrar o seu desagrado com um estatuto que lhe poderia tirar alguns poderes, ou dificultar a acção, outros menos "avisados" ficaram com o miolo frito e partiram para a ignorância. A explicação para o acto é tão má como o acto em si.
Bom domingo
Abraço do Zé

Papoila disse...

Querida Meg!
Este é o retrato real do ridiculo em que as instituições mais representativas estão a cair. O acto não é justificável e o comentário do juíz inqualificável...
Beijos

MPS disse...

Cara Meg

O juiz utilizou a única linguagem que que a tacanhez do arguido era capaz de compreender (à excepção do adjectivo "torpe", mas a defesa que lho explique).

Um abraço

Meg disse...

Maria,

Este é o retrato de alguns (felizmente) seres que ainda por aí andam.
Um abraço

Meg disse...

Caro amigo,

Quando deixaremos de ter destas surpresas?
Um abraço

Meg disse...

Sei que existes

Ridículo mas com graves consequências a todos os níveis.

Boa semana e um abraço

Meg disse...

Multiolhares,
Que bom vê-la por cá!
Os factos são tão surrealistas que realmente não fica nada para dizer, apenas o espanto, e uma sensação de revolta pelo atentado à inteligência...
Uma boa semana. Um abraço

Meg disse...

Querido Zé,

Este nem tem o miolo frito, acho mesmo que miolo é coisa que não tem. Deprimente, mas são estes os factos...
Um abraço

Meg disse...

Querida Papoila

Depois de mais esta, onde fica a credibilidade da nossa Justiça tão vilipendiada por seres abjectos... não, não tenho medo das palavras fortes.
Uma boa semana
Beijos

Meg disse...

Querida MPS,

Chamar juiz "àquilo" faz morrer de vergonha os que o são na realidade.
Torpe é um ó(p)timo qualificativo.
Uma boa semana e um grande abraço

MPS disse...

Cars Meg

Leio as palavras do juiz e entendo isto: ele considera que o arguido lhe apresentou a justificação mais ignóbil que alguma vez ouviu para dar um tiro em alguém.

Apenas uma palavra poderá ofender ouvidos mais apudorados, mas percebo-a como expressamente dirigida à escassíssima capacidade de compreensão do arguido.

Por ser esta a minha interpretação, não compreendo a acrimónia em relação à figura do juiz.

Um abraço

Meg disse...

Querida MPS

A mim, o que me chocou, além dos actos em si, foi a forma e os termos em que o juíz os comentou. Sendo certo que concordo com o seu ponto de vista, a minha acrimónia, e só da minha falo, vem ferida daquela ideia que fazia e já não faço, dos Juízes. Eram seres majestáticos, ar severo, austeros e nada dados a estes excessos de linguagem. Afinal os tempos mudaram e, querida amiga, há coisas que custam a mudar em nós.
Claro que está cheia de razão, mas... o juiz, ele próprio se deve "ter passado", e mais que um comentário terá sido um desabafo.

Obrigada pelo reparo. minha cara amiga

Um grande abraço

Paradoxos disse...

ola minha amiga também membro do "verso e prosa"!! :-)


sem comentários...


beijinhos

Moacy Cirne disse...

Descobri o seu blogue em Cantigueiro e já, de cara, eis-me diante de uma notícia bastante divertida. Aqui no Brasil, ao contrário do que acontece em Portugal, a diferença entre bicho e bicha é maior do que supõe a nossa língua portuguesa. Mas vou aproveirtar para brechar (nem tanto, nem tanto) o seu espaço virtual. Um abraço.

Moacy Cirne disse...

Ah, sim, gosto um bocado de Marisa Monte. Uma boa surpresa encontrá-la aqui. Outro abraço.

padeirinha disse...

Surreal? Infelizmente é hiper real!

Savonarola disse...

Querida Meg,

O comentário do juiz torna-se tão aberrante como toda a incrível história. Um país de verdadeiros "analfabrutos"!

Um abraço anarquista

O Guardião disse...

Zé Pistoleiro na defesa do seu gato... incrível, para não dizer estúpido. É um caso de psiquiatria.
Cumps

a casa da mariquinhas disse...

Esta minha visita de hoje destina-se a fazer um convite:
A partir do dia 5 de Agosto tenho o prazer de colaborar com o
SEMPRE JOVENS
Espero e agradeço, desde já, a vossa visita e comentário.
Voltarei tão breve quanto possível.
Beijinhos
Mariazita

Fenix disse...

Meg,
vim por aqui, mas não sei de quem estavas a falar!

Beijoooooooooooo

Carla disse...

sem comentários...
apenas isso!
beijos amigos

Meg disse...

Eduardo

Não dá mesmo vontade de comentar.
Obrigada e um abraço

Meg disse...

Caro Moacy Cirne,
Quanta honra em tê-lo como visita neste espaço despretencioso!Já dei uma olhada ao seu blog, mas creio que vou precisar de um dia só para ele.

Quanto aos detalhes que refere confesso que desconheço. Mesmo.
Sem falsos puritanismos.
Agradeço mais uma vez a sua visita e espero vê-lo mais vezes por cá.
Um abraço da Meg

Meg disse...

Caro Moacy
Se não por outros motivos, a música brasileira, está sempre presente.
Mais um abraço da Meg

Meg disse...

Querido Savonarola

Estamos na mesma onda... se não admito os factos, não entendo o comentário que considero absurdo no mínimo.
Um abraço pró-an.


PS:Querido amigo J., logo que possa dou notícias.

Meg disse...

Amiga Padeirinha

Seria isso mesmo... irreal.
Mas o drama é que os factos são reais.
Um abraço

Meg disse...

Amigo Guardião

Psiquiatria... acho que sim, sem ofender os verdadeiros doentes.
Que esses merecem respeito.
Um abraço

Meg disse...

Mariazita,

Tomei nota e lá a visitarei, afinal já a partir de hoje.

Um abraço

Meg disse...

Fénix,

E o lapso foi meu, mas a informação já seguiu...

Um abraço

Meg disse...

Carla,

Realmente o melhor é não dizer mesmo nada.
Um abraço

C Valente disse...

Agora querem soltar presos , e transformar as prisões em hotel , passeião durante o dia, vão lá dormir á noite
Saudações amigas

Marco Ferreira disse...

Comentários ... para quê?

Abraço

marinheiroaguadoce a navegar

Meg disse...

Amigo Valente,
Pois é... parece que estar preso daqui a pouco é uma vantagem.
Um abraço

Meg disse...

Querido Marco,

O absurdo dos factos, todos eles é realmente muito difícil de comentar

Um grande abraço amigo

luzete disse...

Oi Meg, uma rápida visita e uma pergunta: gato paneleiro, que raios é isso, ô menina!

Mas bom meso é o Eça dizendo há 100anos o que ainda insistimos em ser.

Beijo procê, luzete

luzete disse...

Ah, sim, teu blog está lindo. de novo. parabéns pela teimosia. imagens lindas. o poeta. e a setinha transformada em um coraçãozinho safado está uma belezinha.